Postagens

Texto pessoal: Florescendo

Imagem
"Há mais estrelas por aí do que as que já têm nome. E todas são lindas." - "Em algum lugar nas estrelas"



  Queridos leitores, eu tinha pensado em tantas legendas para esse post que até me atrasei em escrever algo. E isso quer dizer que eu fiquei prolongando a decisão de escrever algo aqui sobre isso, porque é muito complicado quando criamos uma expectativa e aí ela morre...
  Esse é o problema com as expectativas, não?
  Bom, vamos logo focar nas notícias ruins, porque tirar um band aid é sempre mais fácil se for puxado de uma vez só...
  É notável que eu dei uma repaginada no blog... Repaginada essa, que demorou muito, mas que valeu muito a pena. Essa ideia de branco com azul é super fofa e é a minha cara. Sem contar que eu sou apaixonada por essa palheta de cores que tem tons mais claros, puxando para o pastel, e que transmitem suavidade. Mas aí vocês me perguntam porque eu mudei a aparência, sendo que eu tinha acabado de fazer isso.
  Bom, eu fiz isso porque um…

Texto pessoal: Página em branco

Imagem
"Pessoas se despedaçam tão facilmente, sonhos e corações também." - "Coisas frágeis", de Neil Gaiman


  Queridos leitores, estou passando aqui no blog para lhes desejar um feliz ano novo! Quero mesmo que o 2019 de vocês seja cheio de luz, amor e prosperidade, sem todas aquelas coisas de estar ou não usando cor tal.
  Eu quero que vocês vivenciem a magia de um ano cheio de novas oportunidades e com a mente plena, sábia e completamente ciente de que somos nós mesmos que fazemos a nossa sorte e o nosso caminho. Conquistas são feitas de batalhas e esperança, de perseverar.
  Quero lhes desejar um ano cheio de paz de espírito, de fé em si mesmos e de paciência. Quero que se lembrem de seguir em frente, mesmo que o atrás seja mais tentador.
  Sei que isso tudo, vindo de mim, pode soar desesperançado, afinal, o que eu, uma depressiva não reabilitada, tenho a dizer sobre tentar mais?
  Eu tenho que dizer que tentar é a única coisa que nos resta. A vida ainda está aqui, ain…

Ressaca literária

Imagem
Queridos leitores, eu comentei por aqui que confundiram o meu blog com um blog de filmes, por alguma razão que eu desconheço completamente.
  No primeiro momento eu fiquei extremamente ofendida e revoltada, mas aí eu meu dei conta que ele também pode ser um blog sobre filmes, mesmo falando sobre livros. Primeiro porque eu sou a dona e sou eu quem decide o que vai ter e o que não vai; e segundo porque eu adoro filmes mesmo.
  Digo, eu odeio ir ao cinema, mas eu amo assistir filmes. Eu adoro "Jurassic Park" e "Back to the future" e "Star Wars" e "Ace Ventura", bem ao estilo "Sessão da Tarde" mesmo, mas eu amo muito mais os filmes que são comédias românticas ou romances, então eu pensei: "Vou falar sobre eles lá no blog. Por que não?"
  O nome da página vai ser "Ressaca literária" e vai ter várias resenhas de filmes românticos porque eu sou um clichê mesmo e nem ligo.
  Ah, e esse post não tem nenhum trecho de filme…

Texto pessoal: Desconstrução

Imagem
"Quando o destino fecha uma porta, poderíamos abrir um livro." - "Para onde vai o amor", Carpinejar


  Queridos leitores, eu estou surgindo assim, fora do meu horário normal de publicação porque eu estava pensando na abordagem do blog...
  Digo, eu adorei o que eu tinha feito e gosto um pouco dessa aparência que eu acabei de adotar aqui, mas na verdade eu ando tendo umas ideias bem loucas de coisas que eu queria muito fazer no blog. Tenho tido umas ideias de personalização e de abordagem novas, que ainda não sei como vou aplicar ao meu conteúdo, e por isso eu vim dar um recado...
  Lembram que no último post eu disse que pretendia voltar lá para março/abril? Então, eu acho que esse é um prazo que eu dei que não condiz com a minha produção no momento, então eu decidi que eu preciso de mais tempo.
  Como eu preciso de tempo para me organizar, porque o conteúdo - apesar de continuar sendo o mesmo, vai sofrer muitas alterações estéticas - não está pronto para o projeto…

Texto pessoal: End of the rainbow

Imagem
"Era como se a alma houvesse alçado voo de um corpo ainda vivo." - "As irmãs Romanov", de Helen Rappaport


  Queridos leitores, como já diria o grande poeta Chespirito, e não, eu não estou sendo irônica: "E volta o cão arrependido, com suas orelhas tão baixas, seu osso roído e seu rabo entre as patas."
  Quando eu avisei que daria um tempo no blog por problemas emocionais e expus alguns desses problemas (o que já me deixou super desconfortável, porque eu queria falar para vocês as razões de estar dando um tempo, mas ao mesmo tempo eu não queria falar nada porque acho que é uma questão muito pessoal e eu odeio falar sobre a minha vida privada...), eu disse que esperava, de todo coração, poder voltar logo com o blog. Depois eu falei para vocês sobre a mudança da aparência do blog, que inclusive, é bem o que eu queria para esse momento de mudanças.
  Agora eu venho falar sobre a volta do blog, que não, não vai ser agora.
  Eu realmente não estou NADA bem. De…

Texto pessoal: Chez Mallú

Imagem
"Meus pensamentos são estrelas que eu não consigo arrumar em constelações." - "A culpa é das estrelas", de John Green


  Queridos leitores, eu falei, ontem, que eu decidi que logo mais vou voltar com o blog a todo vapor, mas para isso acontecer, eu quero mudar todo o perfil dele...
  Quero mexer nas cores, nas imagens, em tudo.
  Como isso demanda um pouco de tempo, vou pedir para que vocês não fiquem muito chateados de ter uma aparência "deficiente" por enquanto.
  Esse é só um recadinho mesmo. Bem rápido e curtinho.
  Até breve, meus queridos leitores.
  Com amor, Mallú.

Texto pessoal: Sobre recomeços

Imagem
"Então, desde cedo, preferi me isolar. E quando você se isola, você pensa. E quando pensa, infelizmente, fica melancólico." - "Álbum duplo", de Paulo Henrique Ferreira



  Queridos leitores, eu finalmente me sinto bem o bastante para falar sobre o que tem acontecido comigo...   Vamos do começo... Lá para o dia dezoito de julho eu recebi a péssima notícia de que estava sendo acusada. Exatamente: acusada.   Os tramites da coisa toda não interessam, mas teve algo nisso que me abalou. E não foi a acusação em si.   O que realmente mexeu comigo foi a argumentação que a pessoa usou. A criatura me falou que eu sou preguiçosa, desleixada e fútil.   Claro que todo mundo tem o direito de pensar o que quiser, mas eu gostaria de ser acusada pelo que sou de fato. Só isso! Quero que as pessoas me chamem pelo que de fato sou. E não estou dizendo isso para ser elogiada, estou dizendo isso porque esse é o meu desejo. Eu mesma sou a primeira a me enxovalhar.   Para ajudar a pessoa, vo…